Associação de Professores(as) de Filosofia e Filosófos(as) do Estado de São Paulo

Boletim informativo Nº 2 de 2015

No dia 13 março de 2015 os professores do Estado de São Paulo decidiram mais uma vez, em Assembleia Estadual no vão do MASP – Av. Paulista, entrarem em greve por tempo indeterminado.

Fica evidente o descaso do governo estadual para com os educadores, desrespeitando a lei nº 11.738/2008, da jornada de trabalho, dividindo os profissionais em subcategorias, como “F”, “O”. Tudo isso é um profundo desrespeito para com os alunos, professores e a sociedade em geral. É nesse momento que os professores devem se unir para fazer valer sua força, união e organização, conquistando direitos como consta da pauta de reivindicações historicamente desconsiderada pelos sucessivos governos.

Assim sendo, os professores, nesse momento, devem mostrar ao governo do Estado que a nossa categoria é unida e não admite ser desrespeitada, principalmente em seus direitos garantidos por lei, como a jornada da Lei do Piso, que o governo de Geraldo Alckmin não cumpre! Não é mais possível aceitar as péssimas condições de trabalho a que somos submetidos nas escolas: péssima infraestrutura, superlotação e fechamento de classes, contratação precária, duzentena, demora nos processos de aposentadoria....

CLIQUE AQUI PARA LER O BOLETIM

André Sapanos

Secretário adjunto de Comunicação

Aldo Santos

Presidente APROFFESP

© 2012 APROFFESP. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Please publish modules in offcanvas position.